Hommus de beterraba

Como começar a falar dessa maravilhosa pasta de cor magenta que além de super nutritiva e linda arrasa corações por onde passa?

Vou começar admitindo que acabo de detonar um pote inteiro (com ajuda do Marcelo) enquanto escrevo esse post pra vocês. Quem me conhece sabe, que apesar de pensar em comida o tempo todo, eu tenho um razoável controle para esse tipo de compulsão alimentar (do tipo comer direto do pote e só parar quando não sobrar mais nada pra contar história). Só que esse hommus acaba comigo, e eu não estou sozinha não. Como disse uma amiga minha, tem que ter maturidade pra lidar com ele, porque ele é simplesmente bom DEMAIS.

A parte boa é que se você também não tiver, pode preparar uma porção bem grande e comer de cabeça tranquila. Ele é super nutritivo, cheio de proteína e gorduras boas e todas as maravilhas do grão-de-bico e da beterraba que vocês já devem conhecer. E se você não gosta de beterraba (jura?) também não se preocupa, pois alguns amigos que nem você já admitiram que pra essa pasta abrem uma exceção.

Como na minha casa tem sempre grão de bico cozido no congelador (recomendo muito!), eu faço a pasta super rapidinho e deixo-a na geladeira, pra ir comendo como aperitivo, no café da manhã e até no jantar. Também fica ótima servida como molho, sobre legumes assados ou uma saladinha crua.

Para fazer a pasta você vai precisar processar a beterraba assada com os ingredientes do hommus tradicional: grão de bico, alho, limão, azeite e tahini (pasta de gergelim). O tahini é opcional, faço sem quando não tem (no dia da foto não tinha), e fica uma delícia de qualquer jeito. Também gosto de colocar um pouco de cominho e às vezes coloco pimenta do reino ou caiena, dependendo do que tiver afim.

hommus-beterraba-8920

No final das contas ela sempre fica linda, com essa cor magenta irresistível.

hommus-beterraba-8921

E você? Vai comer ela com o quê?

hommus-beterraba-8628

Comenta aqui embaixo o que achou e compartilha com aqueles amigos que vão adorar devorar ela também.

hommus-beterraba-8640

PS: Quem está acompanhando o blog deve ter reparado que este post demorou um pouco mais pra sair. Isso é porque eu acabo de chegar em Nova York, onde irei passar os próximos 6 meses, estudando culinária natural <3. Vou realizar meu sonho de estudar na Natural Gourmet Institute, uma escola de gastronomia incrível com foco em tudo que eu acredito. E estou super empolgada pra compartilhar essa experiência com vocês. Então aproveita e me segue também no Instagram, pra ficar sabendo de tudo o que vai rolar por aqui 😉

Hommus de Beterraba
Porções 8
Avaliações
Imprimir
Tempo de Preparo
40 min
Tempo de Preparo
40 min
Ingredientes
  1. 1 xícara de grão de bico seco (aprox. 3 xícaras cozido)
  2. 3 beterrabas pequenas
  3. 3 dentes de alho
  4. suco de 1 limão
  5. 1 colher de chá de sal
  6. ½ colher de chá de cominho
  7. ¼ xícara de azeite
  8. 1 colher de sopa de tahini (opcional)
Para cozinhar o grão de bico
  1. Deixe o grão de bico seco de molho por 12 horas em um pote grande com água filtrada até dois dedos acima dos grãos. Passado o tempo de molho, descarte a água.
  2. Coloque os grãos em uma panela de pressão e cubra-os com água até dois dedos acima dos grãos. Leve a panela a fogo médio e cozinhe por 15 minutos após pegar pressão.
  3. Caso utilize uma panela normal, o tempo de cozimento pode variar de 1h a 1h20. Cheque frequentemente e adicione mais água caso necessário.
Preparando a pasta
  1. Enquanto cozinha o grão de bico, corte as beterrabas em rodelas, descartando as extremidades. Pré-aqueça o forno a 200 graus. Coloque as rodelas de beterraba em um tabuleiro coberto com papel alumínio e regue-as com um fio de azeite. Leve ao forno por aproximadamente 30 minutos. Cheque as beterrabas com um garfo, elas devem estar macias, mas cuidado para não deixá-las queimar.
  2. Adicione as beterrabas, o alho e o limão no processador e bata até ficarem bem trituradas. Acrescente o grão de bico cozido e o restante dos ingredientes e processe até formar uma pasta homogênea. Prove, corrija o sal e algum tempero caso julgar necessário. Se a pasta estiver muito densa, você pode adicionar um pouquinho de água, mas vá aos poucos para que ela não fique muito líquida.
Dicas
  1. A pasta fica uma delícia servida como aperitivo, e combina muito bem com cenouras e pepinos crus e pão árabe tostado. Ela também cai muito bem como recheio de sanduíches e se transforma em um delicioso molho para salada, bastando acrescentar um pouco mais de água e azeite.
  2. Guarde em um pote de vidro por até 5 dias na geladeira.
Experiência Vegana http://experienciavegana.com/

Se inscreva na nossa newsletter

Escreva seu e-mail para se inscrever,

 




Tópicos recentes

Categorias

Tags

Subscribe!