Macarrão oriental cremoso

Já faz um tempo que quero compartilhar essa receita com vocês.

Primeiro porque a estrela do prato, esse molho, feito com a manteiga de semente de girassol do último post, é simplesmente divino!!! E nunca é demais aprender um molho incrível pra ter sempre na manga né?

 

Segundo porque ele é inspirado no meu jantar de formatura da NGI, que foi um jantar com influência thailandesa (Quem ama comida thai que nem eu?!) e ficou muito marcado no meu coração <3
É claro que no jantar, que era feito a muitas mãos, ele era apenas um dos elementos de 3 pratos super elaborados. Mas como seria um desperdício deixar um molho tão gostoso preso no passado, resolvi fazer uma versão simplificada pra vocês fazerem em casa.


Esse prato é uma releitura do clássico macarrão com molho de amendoim, só que usando sementes de girassol no lugar, para deixar ele nut free. Muita gente é alérgica a amendoim, e outras pessoas preferem apenas evitar porque é uma oleaginosa (na verdade, uma leguminosa!) que se comida em excesso pode ser um pouco inflamatória. Seja como for, essa versão não deixa nada a desejar, e fica boa não apenas no macarrão, como na salada, ou acompanhando rolinhos vietnamitas ou outros aperitivos.


Agora vamos ao prato!

Esses dias mais frios tem sido perfeitos para uma boa macarronada. Como eu sou viciada em vegetais, não posso deixar de incluir muitos legumes no meu macarrão. Eles tornam o prato mais leve e nutritivo e elevam a massa para um outro patamar.


Aqui eu usei brócolis, cenoura e beringela, que estão vindo em abundância na cesta orgânica que eu recebo. Mas você pode optar pelos legumes que tiverem disponíveis pra você (pimentões, ervilhas e cogumelos também ficam ótimos!)

Além disso, acrescentei tofu (ótima fonte de proteína!) e finalizei com uma conserva de cebola, coentro e gergelim (que acrescentam um pouco de acidez, aroma e crocância).


É claro que você pode fazer as combinações que preferir, mas garanto que essa aqui fica boa demaaaaais. Já fiz várias vezes lá em casa (e pra alguns amigos também) e foi aprovadíssima.

Quem aí também ama um pratão colorido desse?

Por motivos de #foodphotography, eu sempre penso nas cores na hora que vou montar o meu prato. Mas o mesmo também serve pra quem quer fazer uma boa apresentação pros amigos (ou pra você mesmo!), afinal a boa digestão já começa com os olhos.

Falando em fotografia, um parênteses para divulgar o meu trabalho de fotografia de comida com o Marcelo (namorado, sócio e cobaia oficial do blog), que já pode ser visto por aqui =D Estamos com o estúdio prontinho para fotos, vídeos e demonstrações culinárias, então quem tiver interesse é só entrar em contato 😉

Fecha parênteses e sente a cremosidade desse macarrão ma-ra-vi-lho-so!

Se você for que nem eu, já deve estar se segurando para partir para cozinha e fazer um pra você também …


Então siga em frente e depois me conta o que achou por aqui. E não se esquece de compartilhar a sua criação comigo com a hashtag #experiênciavegana, que eu amo muito ver!

Macarrão Oriental Cremoso com manteiga de semente de girassol
Porções 4
Avaliações
Imprimir
Tempo Total
1 hr
Tempo Total
1 hr
Molho cremoso de semente de girassol
  1. ⅔ xícara de manteiga de semente de girassol (200g de sementes)*
  2. 1 colher de sopa óleo de gergelim
  3. ¼ xícara de suco de limão
  4. 3 colheres de sopa de shoyo (sem glutamato)*
  5. ¼ xícara de melado
  6. 2 dentes de alho
  7. 2 colheres de sopa de gengibre picado
  8. 1/2 colher de chá de sal
  9. 1 colher de chá de pimenta calabresa
  10. ¾ xícara de água, ou até atingir a consistência adequada
Noodles
  1. 500g tofu extra-firme
  2. 500g beringela
  3. 1 brócolis americano (300g)
  4. 500g cenoura
  5. 2 colheres de sopa de shoyo (sem glutamato)
  6. 3 colheres de sopa de azeite, em partes
  7. 1 cebola roxa média, em fatias finas
  8. ¼ colher de chá de sal
  9. 250g macarrão de trigo sarraceno (soba)*
  10. Gergelim preto, para decorar
  11. Coentro picado, para decorar*
Conserva rápida de cebola roxa (opcional)
  1. 1 cebola roxa, em fatias finas
  2. ½ colher de chá de sal
  3. ½ colher de chá de açúcar demerara
  4. ¼ xícara de vinagre
Passo a Passo
  1. Escorra o líquido do tofu e embrulhe-o em um pano de prato limpo. Coloque uma panela pesada em cima e deixe secar por 10 minutos.
  2. Enquanto isso, prepare o molho. Coloque todos os ingredientes em um liquidificador e bata em potência máxima até obter um molho uniforme e cremoso.
  3. Opcional: Para fazer a conserva de cebola roxa, misture todos os ingredientes em um pote de vidro. Acrescente água filtrada até cobrir e reserve.
  4. Corte o tofu e a beringela em cubos médios, o brócolis em florets (e os caules em fatias finas), e a cenoura em formato de macarrão (você pode usar um spiralizer ou descascador de legumes).
  5. Em uma assadeira grande anti-aderente (ou comum coberta com papel manteiga), coloque os cubos de tofu, 1 colher de sopa de shoyo e 1 colher de sopa de azeite e misture para incorporar. Faça o mesmo com a beringela em cubos em uma outra assadeira. Asse ambos no forno a 200 graus por 40 minutos, retirando para mexer após 20 minutos para que dourem igualmente.
  6. Enquanto isso, cozinhe o macarrão em água fervente até ficar al dente. Escorra e Transfira para uma bacia de água gelada para interromper o cozimento.
  7. Aqueça uma colher de sopa de azeite em uma frigideira ou wok grande, acrescente a cebola, o brócolis e o sal e refogue por 4 minutos. Acrescente a cenoura e cozinhe por mais 3 minutos. Quanto os vegetais já estiverem macios, acrescente o molho cremoso, a beringela e o tofu assados e o macarrão. Mexa para incorporar bem.
  8. Sirva com coentro picado, gergelim preto e a conserva de cebola (opcional).
Dicas e substituições
  1. A manteiga de girassol pode ser substituída por manteiga de amendoim ou amêndoas.
  2. Eu utilizei um shoyo natural, dadaisem glutamato monosódico ou outros aditivos, que não é tão salgado quanto outros do mercado. Caso o seu shoyo seja mais salgado, não adicione sal na receita.
  3. Se você deseja tornar a receita sem glúten, utilize um macarrão sem glúten ou substitua por macarrão de abobrinha para torná-la low carb.
  4. Você pode substituir o coentro por salsinha ou cebolinha se preferir.
  5. A conserva de cebola roxa é opcional, mas seu toque ácido da uma quebrada na cremosidade do molho e fica uma delícia!
Experiência Vegana http://experienciavegana.com/
No Comments

Post a Comment

Se inscreva na nossa newsletter

Escreva seu e-mail para se inscrever,

 




Tópicos recentes

Categorias

Tags

Subscribe!